Visitei recentemente o Mercado do Café, uma cafeteria bem grande que – olha que felicidade! – não fica nem no Meireles, nem na Aldeota e nem na região sul de Fortaleza. Parabéns desde já aos empreendedores que trouxeram uma opção linda, com uma decoração de muito bom gosto, para outra região da cidade.

O café fica no bairro benfica, bem próximo ao shopping e às universidades (UFC e IFCE) e é um espaço muito agradável. Como eu disse, tem uma decoração bem descoladinha e uma parede verde muito bonita. É um espaço sem dúvidas muito agradável pra reunir os amigos e conversar.

Continuando a série de posts que fiz sobre a minha viagem à Argentina (saudades!), vou falar de Tigre, uma cidade que fica a 33km da capital Buenos Aires. Foi um passeio de um dia e deu pra aproveitar a feirinha linda que tem por lá, bem como apreciar a bela vista do porto.

Chegar lá é bem fácil e dá pra ir de trem ou de ônibus. Entre as duas opções, fomos orientados pelo nosso anfitrião a ir de trem. Preciso falar que essa viagem foi muito agradável. Apesar das ressalvas de que trem é um transporte mais “inseguro” – a mesma sensação que temos por aqui – foi algo que mesmo depois de anos me deixou marcada na memória.

Olhando pela janela, as paisagens verdinhas corriam rapidamente com o som do maquinário. As cadeiras quase vagas ressaltavam que aquela viagem não era tão turística, era um trajeto mais comum de dia a dia. De repente, um grupo de poucos argentinos começaram a entonar notas e desbravaram a cantar ao som de um violão. Não me recordo da música, mas a cena ficou perfeitamente gravada na minha cabeça. Uma manhã de sol, com um clima muito agradável e quase frio, vendo a paisagem passar ao som de uma música local cantada pelos próprios passageiros. Parecia a cena de um livro.

Agosto é um mês praticamente interminável! E, como nem sempre dá pra viajar e esticar num feriadão, livros são uma ótima companhia para o fim de semana e para dar aquela relaxada em casa. Neste post, selecionei algumas títulos que estou querendo ler e que achei que pode ser interessante pra muita gente também!

Propósito – Sri Prem Baba

Este é um livro com uma temática mais espiritual, mas não necessariamente religiosa. Escrito pelo psicólogo Sri Prem Baba (ele é brasileiro, apesar do nome), o livro disserta sobre como devemos buscar o nosso propósito e como chegar na descoberta dele olhando para dentro de nós mesmos. Além de uma explanação sobre esse tema, ele fala de alguns conceitos holísticos, como a impermanência. Particularmente, acho essa temática bem relevante, especialmente nos dias de hoje, cheios de apegos materiais.

Vidas Trans – A coragem de existir
(Amara Moira, João W. Nery e Márcia Rocha)

Este livro tem um assunto muito relevante socialmente. Ele foi escrito por quatro pessoas trans, em décadas diferentes, que nasceram aqui no Brasil. E a narrativa conta a história delas enfrentando os estigmas sociais de cada uma dessas épocas. É muito importante pra que a gente entenda como é a vida dessas pessoas e saiba como “fazer a nossa parte” pelas diferenças de gênero, especialmente se você não é muito entendido do assunto.

Foto de Melina Souza.

The Hate U Give – Angie Thomas

Dia desses, postei uma receita de carne ao molho oriental nos stories do instagram (@blogboasdicas), de um jeito bem informal e muita gente veio falar comigo dizendo que adorou e que tirou print e tudo pra guardar e fazer depois. Acabou que a receita só ficou 24h no ar, mas fiquei tão feliz com o feedback de vocês – afinal, o blog é feito pros leitores, né? – que resolvi postar aqui também pra que vocês acessem o passo a passo da receita mais facilmente. 🙂

Ingredientes

– 200g de espaguete (usei o integral)
– 350g de carne descongelada e em cubinhos (indico filé / alcatra / coxão mole, nessa ordem de preferência)
– 2 dentes de alho pequenos e picados
– 1/2 cebola grande picada
– 1 colher de sopa de manteiga ou azeite
– Pimenta a gosto
– 1 cenoura média sem casca em rodelas ou mini cenourinhas
– 5 arvorezinhas grandes de brócolis

Sim, minha gente! As férias, essas lindas, estão chegando ao fim. Mesmo para quem não está oficialmente de férias, julho é sempre esse mês mais leve, com menos trânsito ~escolar~ e menos provas na faculdade. Nós merecemos aproveitar a última semana, porque é o certo, né? Por isso, vou te dar 5 dicas de happy hour belezudos para ir, antes dessa tranquilidade ir embora. E depois também, quem sabe! Haha!

Outback Steakhouse

outback-happy-hour

Tinha que começar com Outback! Mas Manu, que coisa cara! Calma gente, calma. Aqui o custo-benefício é nosso amigo. De 17h às 20h, você aproveita chopp pela metade do preço e aperitivos para dividir com um valor bem legal. Além disso, de segunda a quinta-feira, respondendo a pesquisa de satisfação – se você já tiver ido ao outback – você ganha outro aperitivo. Ou seja, dá pra comer e beber no outback pagando até 50 reais. Acredite!

@outbackbrasil

At Home Pub

athome-happy-hour

Ali no coração do Meireles tem também o happy hour do At Home Pub, que é conhecido pela baladas, mas sabe conquistar o coração de quem ama mesmo é sentar e beber uma boa cerveja. O festival tem Chopp heineken + batata-frita liberadas de 18h às 22h, toda terça-feira. E, a partir das 22h, tem disco de rock para quem curte um som legal. Mara, né? Ótimo para ir com os amigos e dar aquela esticada.

@athomepub_

« Posts RecentesPosts Antigos »