Playlist: a dança como protagonista - clipes com danças marcantes -
Sem categoria

Playlist: a dança como protagonista – clipes com danças marcantes

Há um tempo atrás, eu tinha muito preconceito com dança contemporânea. Até que eu entrei num grupo musical e comecei a viver algumas formações com esse tipo de dança. Além da estereotipação do “seja uma árvore” ou “protagonize o nascimento”, eu esperava nada mais que chatice. Nem preciso dizer que estava errada, né?

A-danca-como-protagonista-Playlist-Boas-Dica

Certo, existem algumas passagens que você precisa se desprender do “real” e viajar um pouco mais. Mas é exatamente nesse processo que você entra em contato com emoções que, dificilmente, são externalizadas por meio de palavras ou formas.

Por isso, a Playlist de hoje é dedicada a músicas cujos clipes possuem a dança como protagonista. Ao assistir, você vai ver que, assim como falei, elas expressam emoções difíceis de explicar, mas fáceis de sentir. Vamos lá?

Did it Again – Shakira

Eu me apaixonei por essa música mais pela dança do que pela música em si. Como é típico da cantora, ela apela um pouco pelo lado oriental, sensualidade e agressividade – mas todos de forma muito bem feita.

Try – P!nk

Essa música da P!nk é bem bonita, fala sobre não desistir. No clipe, ela mistura várias coisas sensoriais: ritmo, textura, cores e dança. Em minha opinião, essa é uma das músicas pops mais bonitas dessa temporada.

Sia – Chandelier

A música da Sia – Chandelier é posta num mundo visual de emoções. Além do papel da criança no clipe, o mais embaraçante dele é que não há explicações concretas para explicar a sensação que a arte pode provocar – ainda mais quando ela é dançada por uma criança.

Arcade Fire – We Exist

Esse clipe é sensacional! Apesar da dança não ser a protagonista, ela faz total diferença. Neste clipe, o ator Andrew Garfield (Homem-Aranha) interpreta a transformação, dificuldades e vitória de um travesti. No meio do trajeto, a dança aparece como forma de expressar as emoções.

Happy – Pharrel Williams

E, para mostrar que nem só de emoções fortes se mostra a dança contemporânea, esse clipe ensina que mexer o corpo pode transmitir também felicidade, leveza e bons sentimentos!

Qual desses clipes você mais se identifica? Comenta pra gente saber aqui no blog ou em nosso Facebook! 😉

Avatar
Escritora de coração (mas jornalista de formação) amo tudo relacionada à literatura. Gente normal deixa o dinheiro no banco, o meu fica na livraria. Sonhadora, gosto de cinema, músicas, kpop e vídeos fofos.
Post criado 32

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Relacionados

Comece a digitar sua pesquisa acima e pressione Enter para pesquisar. Pressione ESC para cancelar.

De volta ao topo