Leituras leves para acalmar na quarentena

Leituras leves para acalmar na quarentena

Se você ama uma leitura e não fica sem, deve se aventurar vez ou outra por assuntos mais cansativos ou até mais técnicos. Porém, com tudo que estamos vivendo, fazer leituras leves pode ser a melhor opção. E tá tudo bem, afinal, você está vivendo uma pandemia global (e, se estiver no Brasil, some isso a um caos pela desgovernança. Nada fácil, amores!).

Por isso, querendo deixar o seu dia mais leve, eu e a Suyany (do bookstagram @sentirliterario) juntamos indicações de leituras leves para você fazer durante esse período. Elas podem te inspirar e aliviar um pouco essa sensação. Quem sabe, até, te desconectando dos acontecimentos por alguns instantes e permitindo sua mente a relaxar mais um pouco. Espero de verdade que te ajude!

Para você que teve um dia ruim – Vitor Fernandes

Esse livro é exatamente o que o título diz. Pequenos poemas e textos que vão chegar em você como um “ei, tá tudo bem que hoje não foi bom”. Confesso que não é o meu tipo de leitura favorito, mas com tudo que temos vivido, um abraço literário é sim bem-vindo. É um livro para ler aos poucos, especialmente nos dias mais desafiadores. Sem dúvidas, se tratando de leituras leves, essa é uma excelente indicação.

Silêncio na era do ruído – Erling Kage

Erling Kage foi o primeiro explorador a caminhar sozinho no Polo Sul e a chegar aos três polos: Norte, Sul e Cume do Everest. Neste livro, ele fala sobre suas expedições, mostrando fotos da imensidão e solidão por onde passou, nos trazendo reflexões sobre a importância do silêncio em uma sociedade que faz bastante barulho como a nossa. É uma leitura leve que faz o leitor entender que o silêncio também pode ser uma grande ferramenta de autoconhecimento.

O Livro Do Bem: gratidão – Ariane Freitas e Jessica Grecco

Ganhei esse livro recentemente no meu aniversário e ele foi realmente um presente. São tantos desafios nos noticiários, que acabamos esquecendo que todo dia tem o seu lado bom. Esse livro tem a proposta de resgatar esses momentos e te fazer pensar sobre eles. Certamente vai te trazer um alívio e fazer você entrar em contato com esse lado positivo.

Um Cartão: sentimentos cotidianos – Pedro Henrique

Pedro Henrique, o mesmo criador da página @umcartao no Instagram, reuniu vários cartões feitos à mão por ele que retratam frases, pensamentos e reflexões sobre o cotidiano. É uma leitura rápida e leve, na qual poderemos encontrar uma fonte de incentivo através das palavras durante esses dias de quarentena.

As coisas que você só vê quando desacelera – Haemin Sunim

Esse livro é muito sensível e ótimo para quando a sua mente estiver muito frenética. Ele foi lançado antes da pandemia e já se conectava com nosso estilo de vida acelerado. Agora, vejo ainda mais importância no parar e tentar se concentrar no presente. E esse livro ajuda nessa missão.

Poliana – Eleanor H. Porter

Apesar do livro fazer parte da literatura infantojuvenil, esse livro tem muito a nos ensinar em qualquer idade! Poliana é uma garotinha que transforma a vida de todos com sua maneira diferente de enxergar as adversidades da vida através de um jogo criado por ela: o “Jogo do Contente”, que consiste em procurar encontrar alegrias em momentos difíceis. Esse livro fará você refletir sobre muita coisa e começar a enxergar as coisas a partir de uma perspectiva diferente.

Talvez você deva conversar com alguém – Lori Gottlier

Ouvi muito falar desse livro e fiquei muito curiosa para ler por se tratar de um novo viés sobre quem faz terapia: tanto do ponto de vista do psicólogo quanto do paciente. Lori, a terapeuta, está passando pelo término de um relacionamento inesperado e sente a necessidade do apoio psicoterapêutico. Enquanto ela mesma precisa lidar com suas questões e sofrimentos, atende outros pacientes. Um homem que nunca está satisfeito com a vida, uma paciente terminal, uma mulher de setenta anos lidando com a culpa e uma jovem que tem problemas com bebidas.  

“Como terapeuta, sei muito sobre dor, sobre as maneira como a dor está ligada à perda. Mas também sei algo menos entendido normalmente: que a mudança e a perda andam juntas. Não podemos ter mudança sem perda, motivo pelo qual é tão frequente as pessoas dizerem que querem mudar, mas mesmo assim continuarem exatamente iguais.”

Livro dos ressignificados – João Doederlein

Conhecido como @akapoeta nas redes sociais, Doederlein traz por meio de suas experiências pessoais – e toques de poesia – uma série de novos significados para as palavras que fazem parte do nosso dia a dia.

A Grande Magia – Elizabeth Gilbert

Sim, Elizabeth é a autora do consagrado “Comer, rezar e amar”. Neste outro título, escrito quando ela já tinha alcançado a fama por seu outro livro, ela nos fala exatamente sobre o processo de escrita. É um deleite para quem trabalha com criatividade, porque nos tira do peso de ser o autor que sofre – seja qual for o seu trabalho criativo. Ela nos oferece uma nova perspectiva sobre a escrita e sobre a criatividade. Uma maneira mais amiga e até “malandra”. Nos faz ter vontade de criar pela simples leveza de criar.

Quinze Dias – Vitor Martins

Partindo de uma linguagem fluida, simples e com pitadas de humor, o autor Vitor Martins nos apresenta a história de Felipe. Um adolescente que descobre que seu vizinho, Caio, passará 15 dias hospedado em sua casa. O que ninguém sabe é que o Caio é sua paixonite de infância e, agora, ele vai ter que aprender a lidar com várias questões envolvendo seus próprios sentimentos. A última, mas não menos importante, das nossas leituras leves.

Se você curtiu esse post, talvez também curta meu e-book de 50 coisas criativas para fazer em casa. Aproveite esse período de lockdown para ativar sua criatividade de forma que te faça bem.

E lembra de seguir o @blogboasdicas e o @sentirliterario para compartilhar com a gente a sua opinião sobre as leituras. Um beijo e até o próximo post!

Jornalista por formação e publicitária por profissão. Gosto de músicas, coisas asiáticas, gastronomia, beleza e comportamento. Passo as horas de folga atualizando as inscrições do youtube ou cozinhando guloseimas.
Post criado 305

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Relacionados

Comece a digitar sua pesquisa acima e pressione Enter para pesquisar. Pressione ESC para cancelar.

De volta ao topo